sexta-feira, setembro 14, 2007

Lá se vai a paisagem...

No Guia de Portugal, editado pela primeira vez nos anos vinte pela Biblioteca Nacional, Amorim Girão escrevia a propósito de Lafões :

“(...) a paisagem da região lafonense, de tão acentuada beleza policrómica (...) pode distingui-la das regiões vizinhas. Os seus campos de cultura, xadrezados pelos comoros de divisão da propriedade, onde a vinha se abraça às árvores de fruto, e emoldurados ainda pelas matas de pinheiros, carvalhos e castanheiros que revestem as maiores elevações do terreno, oferecem, com efeito, ao turista um espectáculo sem dúvida interessante: um pequeno retalho do Minho perdido em plena região montanhosa da Beira Central”.
- retirado da edição feita pela Fundação Calouste Gulbenkian, 3º volume, 1985.

Em Portugal Património, edição deste ano do Círculo dos Leitores, coordenada por Álvaro Duarte de Almeida e Duarte Belo, pode ler-se na introdução ao levantamento apresentado para o território entre Oliveira de Frades e Sever do Vouga (Leste):

“O coberto vegetal, quer nas áreas baixas que se desenvolvem a oeste, quer nas faldas da serra, tem sido progressivamente tomado pela plantação extensiva de eucalipto, que se impõe na paisagem, tornando-a monótona. Apenas algumas áreas aplanadas no fundo dos vales ou no cimo dos interflúvios apresentam mosaicos agrícolas, com hortas e pomares, ou então com pastagens. O povoamento é disperso, com a maioria das aldeias quase despovoadas”.
- in volume III, pág. 128.

De referir que, neste volume, já é feito um levantamento do património de algumas freguesias do concelho de Vouzela: Alcofra, Cambra, Campia, Carvalhal de Vermilhas e Paços de Vilharigues.

4 comentários:

Ariel Sharon Tate disse...

Amorim Girão, esse clássico da Geografia descritiva!

(Deve ser observável em mais sítios, mas no do Instituto de Meteorologia podemos ver o tipo de ocupação do solo nos concelhos de Portugal Continental. No fundo da página inicial, clique-se no ícone "trovoadas". Chegaremos a esta página. E se activarmos as aplicações acima do mapa (Zonas Admin, Sedes Admin e Coordenadas) surge-nos a delimitação dos concelhos. Depois é clicar na área desejada para ampliá-la e activar as aplicações no "Tipo de Solo" à direita do mapa, ao fundo da página.

Zé Bonito disse...

"Amorim Girão, esse clássico da Geografia descritiva!"

E natural destas paragens. A imagem "pequeno retalho do Minho", é da autoria de Ramalho Ortigão.

Dom Afonso disse...

Do que eu mais gostei foi dos "interflúvios". Se o segundo texto não falasse do desastre dos eucaliptos passava bem por uma prosa dos anos 20.

Zé Bonito disse...

Que sejas bem (re)aparecido.