quarta-feira, janeiro 12, 2011

Luxos ao alcance de todas as bolsas...

Foto de Guilherme Figueiredo

Hoje, apetecia-me falar do aumento das importações do sector alimentar, quando vemos desaproveitadas as nossas terras. Apetecia-me denunciar o abandono a que se votam os criadores de gado, quando importamos 60 por cento da carne que consumimos. Apetecia-me verberar todos aqueles que desvalorizaram as actividades rurais, que ignoraram a sua função social e ambiental, quando se multiplicam exemplos bem sucedidos de explorações dirigidas por cidadãos de outros países e sobem os preços no mercado mundial. Hoje apetecia-me tudo isso, mas apenas me saem gritos panfletários de pouco conteúdo. Não serve. É nestas alturas que deito as pernas ao caminho e respiro fundo perante a imponência dos horizontes (neste caso, a partir da Torre de Vilharigues, quase a entrar em obras de restauro que se espera tenham em conta a sua relação com o meio envolvente). Luxos ao alcance de todas as bolsas que não pagam impostos e, até agora, resistiram aos humores dos "mercados".

2 comentários:

B.A. disse...

Pois....... a adesão à U.E. foi uma rosa com espinhos.....a mais!

Um abraço ao fotógrafo, que penso ser o meu companheiro de S. Frei Gil...."Guilho":)))

MR disse...

vocês têm fotos mto boas...parabéns...