quinta-feira, abril 09, 2009

Ao Morais

Foto: Guilherme Figueiredo

Não costumamos fazer homenagens, porque outros as fazem melhor. Mas não deixamos de dar um último abraço a um amigo- é apenas isso. Era o "nosso" alfaiate, o Morais da "Praça do outro" (Morais de Carvalho), um dos melhores contadores de histórias de que há memória. Usava perante a vida a mesma firmeza de corte com que atacava os tecidos. Pousou a tesoura e partiu.

1 comentário:

João Cosme disse...

Infelizmente partiu, era uma excelente pessoa, muitas vezes boa demais. Recordo-me das histórias que ele me contava com um humor muito elegante.Foi com muita mágua que não estive presente no seu último adeus, por questões profissionais. Era um amigo e uma figura de referência em Vouzela. Ficará sempre na minha memória este meu amigo.JC